A proposta é simples: “Te dou um marshmallow agora. Se você não comer esse, quando eu voltar te dou outro.”

Muitas vezes, nos comportamos como essas crianças… Sabemos que o melhor é não comer o marshmallow, sabemos que ganhamos mais se esperarmos um pouco, mas não conseguimos tirar os olhos da tentação, não é?

Algumas crianças cheiram o doce… Outras dão umas lambidas… Algumas tentam não olhar, mas não conseguem manter suas mãos longe.

Será que somos como essas crianças?

Qual é a sua tentação? – COMENTE

Guilherme Menga

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *